Mostrando postagens com marcador Dracena. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Dracena. Mostrar todas as postagens

sábado, 31 de outubro de 2020

Termo de compromisso de trabalho como vereador em Dracena


Primeiro ano

1 - Redução de salários para dois salários mínimos e número de vereadores de 13 para nove

2 - Extinção ou redução do número de comissionados

3 – Distribuição de remédios em todos os postos de saúde

4 – Pedido de implantação do Prato Pronto a um real para beneficiar população carente de toda a região

5 - Redução do ISS para atrair empresas e gerar empregos

6 - Valorização dos educadores e garantia de pagamento do piso salarial com possível aumento de, ao menos 20%.

7 - Revisão e aumento dos salários dos funcionários em geral

8 - Implantação do Diário Oficial eletrônico no site da prefeitura

9 - Estudo dos redutores de velocidade e melhorias no trânsito

10 -
Agilização no atendimento aos pacientes nos postos de saúde e pronto atendimento

11 - Plantão de, ao menos, dois vereadores na Câmara para atendimento aos moradores.

12 - Contato com deputados para agilização da volta dos trens

13 - Doação de 10% do valor líquido de meu subsídio, com evolução de 5% a cada semestre, chegando ao um total de 40%.

14 - Reforçar que não deve haver pagamento de subsídios (salários) extras na hipótese dos vereadores participarem de sessões extraordinárias

15 - Cobrar assiduidade e pontualidade dos vereadores nas sessões da Câmara e no Executivo

16 – Solicitar junto aos órgãos competentes, o retorno de dos serviços do IML, no que se refere às autópcias para que sejam feitas na cidade de Dracena.

17 - Contatar governantes para que seja
implantado, na cidade, o Programa Internet para Todos do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações

18 - Contato com o Executivo, CONSEG e autoridades de trânsito solicitando melhor trânsito para a cidade, proncipalmente para as vias onde acontecem mais acidentes. 

19 - 
Não admissão de comissionados que estejam em dívida com os órgãos públicos de Dracena e a exigência de pagamento dos débitos dos já admitidos

20 - Projeto para a criação da Tribuna Livre, um 
instrumento do exercício da cidadania na Câmara Municipal, na qual o cidadão, durante as reuniões ordinárias, terá espaço reservado para fazerem o uso da palavra e se expressarem publicamente.

21 - Projeto para que haja isenção de IPTU (no todo ou em parte), dos moradores que credenciados a cuidarem dos jardins, praças, canteiros centrais e terrenos da prefeitura, sendo que para as empresas as mesmas poderão fazer publicidade através de placas, cartazes, outdoors e outros a ser estudado e, dependendo da extensão da área, também redução do ISS ou IPTU.

22 – Sugestão para que haja a liberação gratuita da senha da internet da Câmara para os órgãos de imprensa devidamente cadastrados na Casa de Leis, durante as sessões, assim como a senha para todos os cidadãos que se encontrarem na sede da prefeitura durante o horário do expediente.

Observações: 
1 - Como vereador, irei dispor de um número de WhatsApp exclusivo para atender a população, no que se referir à cidade, além de aceitar comentários no site www.amorimvereador.com.
2 - Caso seja eleito este documento será registrado em cartório e estará à disposição de todos os moradores, não só neste site como também poderá ser enviado por redes sociais de envio de mensagens.
3 - Meu CNJP como candidato 38.677.566/0001-25
     Razão Social Eleição 2020 Clovis da Silva de Amorim Vereador


sexta-feira, 10 de julho de 2020

Opine sobre a cidade de Dracena


“Gostaríamos de ouvir a sua opinião sobre a cidade de Dracena!
Iremos elaborar um documento público para orientar os(as) candidatos(as) a ocupar as vagas de vereador(a) e prefeito(a) do nosso município.
Para isso, acreditamos que é fundamental ouvir as pessoas mais interessadas: os(as) cidadãos(ãs)
Para participar é muito simples, basta clicar no link 
https://forms.gle/AmgWYrpvinbcDs1W7
responder todas as perguntas com seus mais sinceros desejos coletivos. Você gastará em torno de 7 minutos e contribuirá para definir os próximos 4 anos da nossa cidade.”

Texto de Ulysses Pannes - Título: Amorim sangue Novo

segunda-feira, 16 de março de 2020

Caso Higor Tossato: Teremos pizza em Dracena?



Pedido de instauração de Comissão Processante passa por votação na Câmara de Dracena

"Documentos foram protocolados no Legislativo nesta quinta-feira, 12

Foi protocolado nesta quinta-feira, 12, na Câmara Municipal de Dracena o pedido de instauração de Comissão Processante para apuração de denúncias de possível quebra de decoro parlamentar por parte do vereador Higor Tossato (PDT). 
 O documento é de autoria dos cidadãos Bruno Brandino e Valter Fernandes e apresenta entre as testemunhas o vereador Claudevi O. S. Junior (PV).
 Atendendo ao disposto na Lei Complementar n.º 17/1993 e no Decreto-Lei n.º 201/1967, a denúncia será lida e votada na próxima sessão ordinária, a ser realizada na segunda-feira, 16. Como os vereadores Higor e Claudevi são citados no documento, serão convocados os seus respectivos suplentes para votação do acolhimento da denúncia, para tanto, é necessário a maioria simples dos votos. Acolhida, será instaurada  Comissão Processante. 
 Ainda nesta quinta-feira, foram protocolados outros dois pedidos. Um do cidadão Clovis Amorim de afastamento preventivo do vereador acusado, o que foi indeferido por falta de fundamentação legal, e o outro do vereador Claudevi de instauração da Comissão Processante para cassação do mandato do vereador Higor Tossato.

Comissão Processante
 É uma comissão temporária que se destina a apurar infrações político-administrativas do prefeito e/ou vereadores, no desempenho de suas funções e nos termos fixados na legislação permanente.
 Para compor uma CP são indicados nomes de três vereadores. Não podem integrar vereadores que tenham interesses pessoais no resultado, como o caso de ser denunciante, denunciado ou testemunha.
 Durante todo o período que a comissão processante estiver atuando, é dada ampla defesa ao denunciado.
 A 7ª sessão ordinária será realizada na segunda-feira, 16, a partir das 20h com transmissão ao vivo pelo rádio e pela TV Câmara no Facebook e YouTube."

Texto enviado por e-mail, pela assessoria de imprensa, para o site do Amorim Sangue Novo 

OBS.: Você poderá assistir também através do link abaixo:
www.amorimsanguenovo.com  a partir de 20 horas
Leia também:
Pedidos de Comissões Processantes são rejeitados pela Câmara de Dracena >>>


Imagem relativa:




sexta-feira, 13 de março de 2020

Dracena: Jornalista pede afastamento do funcionário Higor Tossato à Procuradoria de Justiça Municipal

Higor funcionário da prefeitura de Dracena - Foto: Facebook


Exmo. Sr. Procurador Municipal de Dracena, Dr. Marcelo Orpheu Cabral


U R G E N T E


Pedido de Providências

Clovis da Silva de Amorim, brasileiro, casado, jornalista (Mtb 59858), residente à Rua xxxxxxxx, xxxx – Vila Lucélia, Dracena/SP, devidamente cadastrado no CPF sob nº xxx.xxx.xxx-xx, abaixo assinado, na qualidade de morador dracenense, venho, com o devido respeito perante Vossa Excelência, relatar e pedir o quanto segue:

1)    Conforme é público, notório e de ampla divulgação pela mídia local e regional, foi “vazado” áudio em que o servidor público municipal de Dracena Higor Tossato dialoga com um morador de Dracena para que o mesmo providenciasse o quebramento das pernas do repórter Davi Silva, do Jornal Interativo, prometendo, como pagamento para tal, a quantia de R$ 1 mil que seria paga pelo prefeito, não especificando de qual cidade.
2)    Segundo também amplamente divulgado pela mídia local e regional, em depoimento perante a Autoridade Policial local sobre o caso, na última sexta-feira (06/03), o servidor público municipal Higor Tossato teria dito que toma remédios “tarja preta”, que “esquece as coisas” e que tudo isso teria sido uma “brincadeira”, sendo que a última assertiva (brincadeira) foi aparentemente desmentida pelo depoimento do contratado (testemunha) e com o qual o vereador dialoga no áudio “vazado”, o qual também informou que o vereador teria ido até a sua casa, na manhã da referida sexta-feira, pressioná-lo para não depor a respeito de nada que o pudesse prejudicar.
3)    Tais fatos são de uma gravidade ímpar e indescritível, que coloca não apenas o referido vereador no centro do escândalo criminoso, mas também o Executivo Municipal de Dracena caso providências FIRMES E URGENTES não sejam imediatamente tomadas.
4)    Diante de tais fatos absurdos e gravíssimos, requeiro que Vossa Excelência tome as medidas no sentido da imediata abertura de PROCESSO ADMINISTRATIVO/DISCIPLINAR EM FACE DO SERVIDOR PÚBLICO MUNICIPAL HIGOR TOSSATO, sob pena de responsabilização pessoal e funcional de Vossa Excelência, como prevaricação e outros dispositivos previstos na legislação em vigor.

Sem mais para o momento, atenciosamente subscrevo-me e informo que cópia deste será enviado ao Digníssimo Representante do Ministério Público local para conhecimento.

Dracena, 12 de março de 2020.


______________________
Clovis da Silva de Amorim

Dracena: Jornalista pede afastamento de vereador Higor Tossato à Câmara de Dracena

Imagem ilustrativa



Ilmo. Sr. Presidente da Câmara Municipal de Dracena, Estado de São Paulo


U R G E N T E


Pedido de Providências

Clovis da Silva de Amorim, brasileiro, casado, jornalista (Mtb 59858), residente à Rua xxxxxxxx, xxxx – Vila Lucélia, Dracena/SP, devidamente cadastrado no CPF sob nº xxx.xxx.xxx-xx, abaixo assinado, na qualidade de morador dracenense, venho, com o devido respeito perante Vossa Excelência, relatar e pedir o quanto segue:

1)    Conforme é público, notório e de ampla divulgação pela mídia local e regional, foi “vazado” áudio em que o vereador Higor Tossato (PDT) dialoga com um morador de Dracena para que o mesmo providenciasse o quebramento das pernas do repórter Davi Silva, do Jornal Interativo, prometendo, como pagamento para tal, a quantia de R$ 1 mil que seria paga pelo prefeito, não especificando de qual cidade.
2)    Segundo também amplamente divulgado pela mídia local e regional, em depoimento perante a Autoridade Policial local sobre o caso, na última sexta-feira (06/03), o vereador Higor Tossato (PDT) teria dito que toma remédios “tarja preta”, que “esquece as coisas” e que tudo isso teria sido uma “brincadeira”, sendo que a última assertiva (brincadeira) foi aparentemente desmentida pelo depoimento do contratado (testemunha) e com o qual o vereador dialoga no áudio “vazado”, o qual também informou que o vereador teria ido até a sua casa, na manhã da referida sexta-feira, pressioná-lo para não depor a respeito de nada que o pudesse prejudicar.
3)    Tais fatos são de uma gravidade ímpar e indescritível, que coloca não apenas o referido vereador no centro do escândalo criminoso, mas também toda a Câmara Municipal de Dracena caso providência FIRMES E URGENTES não sejam imediatamente tomadas.
4)    Diante de tais fatos absurdos e gravíssimos, requeiro que Vossa Senhoria tome as medidas necessárias no sentido do AFASTAMENTO IMEDIATO E PREVENTIVO DO VEREADOR HIGOR TOSSATO ATÉ A COMPLETA APURAÇÃO DOS FATOS PELAS AUTORIDADES COMPETENTES, sob pena de responsabilização pessoal e funcional de Vossa Senhoria, como prevaricação e outros dispositivos previstos na legislação em vigor.

Sem mais para o momento, atenciosamente subscrevo-me e informo que cópia deste será enviado ao Digníssimo Representante do Ministério Público local para conhecimento.

Dracena, 12 de março de 2020.


______________________
Clovis da Silva de Amorim

sexta-feira, 31 de janeiro de 2020

Dracena: Veja alguns possíveis candidatos a prefeito em 2020



FICHA LEVANTAMENTO - MUNICÍPIO DRACENA

ADMINISTRAÇÃO ATUAL
CANDIDATO: Juliano Brito Bertolini - Prefeito 
https://www.dracena.sp.gov.br/?pag=T1RjPU9EZz1PVFU9T0dVPU9HST1PVEE9T0dFPU9HRT0=&idmenu=232
PARTIDO: PODEMOS 
PROFISSÃO: Professor 

OUTROS (+)
CANDIDATO: Paulo Figueiredo 
PARTIDO: PSDB
PROFISSÃO: Professor universitário  (Ex-Diretor Executivo Unesp Dracena)
https://bv.fapesp.br/pt/pesquisador/104001/paulo-alexandre-monteiro-de-figueiredo/

CANDIDATO: Kielse Muniz 
PARTIDO: PMN (Vereador)
http://www.camaradracena.sp.gov.br/index.php?pagina=vereadores&idver=208&leg=29
PROFISSÃO: Corretor de Seguros

CANDIDATO: Milton Polon
PARTIDO: CIDADANIA
http://www.camaradracena.sp.gov.br/index.php?pagina=vereadores&idver=174&leg=29
(Vereador/Presidente Câmara)
PROFISSÃO: Bancário aposentado  

CANDIDATO: Claudevi Silva (Juninho do Esporte)
http://www.camaradracena.sp.gov.br/index.php?pagina=vereadores&idver=206&leg=29
PARTIDO: PV Vereador 
PROFISSÃO: Professor de Educação Física

CANDIDATO: José Antônio Pedretti ( Ex-prefeito derrotado nas últimas eleições)
https://especiais.gazetadopovo.com.br/eleicoes/2016/dracena-sp/prefeito/pedretti-45/
PARTIDO: PSDB???
PROFISSÃO: Farmacêutico 

CANDIDATO: Rodrigo Rossetti Parra 
http://www.camaradracena.sp.gov.br/index.php?pagina=vereadores&idver=210&leg=29
PARTIDO: PSB (Vereador)
PROFISSÃO: Advogado  

OUTROS ( - )
OSVALDO GARCIA 
Empresário 
http://www.ailtomribeiro.com.br/noticia/atualidades/posse-do-osvaldo-garcia-no-rotary-imperial-de-dracena

CÉLIO REJANI
https://www.escavador.com/sobre/224685550/celio-rejani
Professor
Contador 
Ex-prefeito

PSDB - Também se colocou à disposição- Clovis da Silva de Amorim - Amorim Sangue Novo = Nome jornalístico.

Anexo:



quarta-feira, 22 de janeiro de 2020

Milton Polon: "Meu sonho é ser prefeito! Não nego!"







* Onde cito 2074, entenda 2024

Observação:

Após esta gravação conversei pessoalmente com o ex-prefeito Pedretti o qual me afirmou e autorizou citar que, se for sair candidato, não será a vereador


sexta-feira, 18 de outubro de 2019

Morador de Dracena pede Providências ao Ministério Público sobre fala de vereadores

Foto: Davi Silva - (meramente ilustrativa)
Conforme é de conhecimento da maioria dos moradores de Dracena, inclusive através de minha postagem neste mesmo site e, para que haja esclarecimento, evitando assim que todos os outros onze vereadores não passem por suspeitos em realizar supostas inscrições para aquisição de casas populares, na qualidade de cidadão e, ciente de que a verdade pode ser esclarecida através de apuração do Ministério Público, resolvi solicitar o abaixo: 


“Exmo. Sr. Dr. Promotor de Justiça da 3ª Promotoria de Justiça de Dracena

Pedido de Providências

Clovis da Silva de Amorim, brasileiro, casado, jornalista (Mtb 59858), residente à Rua ........,.... – Vila ......, Dracena/SP, devidamente cadastrado no CPF sob nº 45.........-15, abaixo assinado, na qualidade de morador dracenense, venho, com o devido respeito perante Vossa Excelência, relatar e pedir o quanto segue:

1)   Na 42ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Dracena, realizada no último dia 14/10/2019, o vereador Higor Tossato (PDT), durante discurso na Tribuna da referida Casa de Leis, denunciou que um dos edis ali presentes teria solicitado a três moradoras dracenenses o CPF, RG e comprovante de residência para a inscrição para adquirir casas populares a serem construídas em Dracena, conforme comprova a mídia anexa (a fala do vereador sobre o assunto começa aos 22 minutos e 40 segundos e termina aos 26 minutos e 37 segundos), sem, contudo, declinar o nome do(a) vereador(a).

2)   Nessa mesma ocasião, em aparte ao discurso do vereador Higor Tossato, o Presidente da Casa Legislativa, vereador Milton Polon (PPS), confirmou a acusação dizendo que “já sabia disso desde a semana passada”.

3)   Como é de conhecimento de V. Exa., além da ética no exercício do nobre cargo de vereador, também há a questão que obriga todo cidadão a comunicar às autoridade competentes a existência de supostos crimes; e suponho que se algum vereador tenha realmente feito isso (cadastro de moradores para aquisição de casas populares, com o pedido de cópias do RG, CPF e comprovante de residência), ele pode ter cometido crime de corrupção ou outro previsto em lei (sou leigo no assunto), pois essa não é e nunca foi função de vereador, visto que tais cadastros são feitos pelas empresas responsáveis pela execução da obra ou mesmo pelo Poder Executivo, mas jamais pelo Legislativo.

4)   Dessa forma, tem o presente pedido de providência o objetivo de respeitosamente solicitar a V. Exa. a instauração do procedimento cabível para que, sob o compromisso de dizer a verdade, sejam os referidos vereadores Higor Tossato e Milton Polon intimados a comparecer perante a 3ª Promotoria de Justiça de Dracena para declinarem o nome completo do(a) referido(a) vereador(a) que estaria fazendo tal ilegalidade (cadastro irreal de moradores para aquisição de casas populares a serem construídas em Dracena), o que, além de criminosa, também implica em quebra de decoro parlamentar.

Sem mais para o momento, atenciosamente subscrevo-me.

Dracena, 18 de outubro de 2019

________________________________
Clovis da Silva de Amorim”

Veja entrevista para o Repórter Davi Silva clicando aqui >>>