Mostrando postagens com marcador 19/01/20. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador 19/01/20. Mostrar todas as postagens

domingo, 19 de janeiro de 2020

O poema nosso de cada dia - Caçada


CAÇADA

Com os olhos lacrimejando
Clamo-te uivando
Sou lobo voraz
De movimento fugaz
Dou-lhe logo uma estocada
Sou fera viciada
Não sei viver sem teu prazer
Em teus braços me perder
Teus golpes certeiros
Teus toques ligeiros
Nosso deleitamento exercita
E o corpo crepita
Soltando quentes fagulhas
Por onde intensamente mergulhas
E a noite certeira
A passar tão ligeira
E os corpos encarcerar
Nessa nossa maneira de nos caçar


Do fundo do Baú do Amora - Cada dia mas - Julio Iglesias

O dinheiro impressiona quase todo mundo - Leandro Karnal