quinta-feira, 7 de novembro de 2019

O poema nosso de cada dia


Simples assim

Hoje eu não faço nada
Nau sem rumo
Caravela
Debruçado na janela
Imagino eu ela
Bem juntinhos
Na capela

Nenhum comentário: