sábado, 2 de novembro de 2019

O poema nosso de cada dia


No colo que sonho

O colo que deito e durmo
É o mesmo que sonho acordado
Pois o aconchego do colo permite
O descanso e o sonho a seu lado

Enquanto eu durmo eu sonho
Acordado eu sonho também
O mais importante é o colo
Que permite sonhar com alguém

Previlegio de quem sonha acordado
É ter colo pra dormir e sonhar
Pois o sonho é o começo do ser
Que sonha que é possível amar

Autor: Dirceu Casagrande
Imagem ilustrativa: Google

Nenhum comentário: